Gripe em fase ascendente em Viseu

2020-01-14

Gripe em fase ascendente em Viseu

Helena Pinho afirmou em conferência de imprensa que na região de Viseu, só agora é que começou a aumentar a incidência de gripe. A responsável disse que tem havido uma afluência crescente no serviço de urgência e nas consultas de cuidados primários.

Helena Pinho esclareceu que “este aumento de fluxo, quer por infeções respiratórias dos vírus da gripe, quer por descompensação das patologias crónicas”, levou o CHTV a “implementar o plano de contingência de saúde sazonal com realocação de camas dos serviços cirúrgicos aos serviços médicos”.

A responsável explicou que neste momento há uma maior necessidade de internamento de doentes desse foro e isso vai levar ao cancelamento de algumas cirurgias adicionais que precisem de internamento. Mas Helena Pinho adiantou que a cirurgia adicional no ambulatório vai ser mantida.

Neste sentido, Helena Pinho fez vários apelos, como pedir a compreensão das pessoas, porque há necessidade de ter camas para internar os doentes que recorrem à urgência e também o de evitar as idas ao CHTV com sintomas gripais, principalmente na visita a doentes internados, e recorrer “sempre, em primeira linha, ao cuidado de saúde primário”.

O plano de contingência “tem uma gestão diária”, não tem ainda data para terminar, uma vez que “ainda não terá havido o pico da gripe” esperado para esta zona do país.

 

(Lusa)